Alimentação, Destaques, Saúde

23 jul

Sal: tire as dúvidas sobre um dos principais vilões da sua saúde

às 13h07

Os dados recentes da Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação (Abia), que apontam que o brasileiro consome duas vezes mais sódio do que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), têm gerado diversas dúvidas. Segundo a Abia, a responsabilidade sobre o excesso de sal na saúde das pessoas é culpa dos próprios consumidores, e não dos produtos industrializados.

Alguns especialistas em saúde, no entanto, afirmam que a realidade é outra: o estilo de vida dos brasileiros está baseado no consumo de produtos prontos, que possuem alto teor da substância. E realmente foi observado que o alimento industrializado contém mais sódio do que o recomendado em suas composições.

A CULPA É DE QUEM, ENTÃO?

A responsabilidade é das duas partes: do consumidor e da indústria. Mas por que não há opções mais saudáveis de alimentos industrializados para o consumidor?

O Ministério da Saúde lançou um acordo para a redução de sódio em vários alimentos. Cada tipo de produto recebeu um limite máximo de sódio e a indústria tem um prazo para cumprir as metas estabelecidas. O objetivo, em longo prazo, é reduzir a participação de sódio na vida dos brasileiros de maneira gradual.

Enquanto a indústria se adapta às normas, a recomendação dos médicos é específica: para evitar que o sal não aumente o risco de doenças cardiovasculares no futuro, o consumidor precisa, primeiramente, melhorar os hábitos alimentares.

E você, tem feito um consumo consciente nos últimos tempos?

0 Comentários

Faça o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>