Arquivos do Blog

Bem-estar, Destaques, Saúde

É comum (e devemos) abusar de sandálias, rasteirinhas e calçados que deixam os pés à mostra no verão para aguentar o calor e mantê-los refrescados. E é aí que os cuidados com os pés devem ser intensificados, pois eles ficam mais vulneráveis e desprotegidos.

Para mantê-los saudáveis e bonitos, é bom seguir essas dicas:

Ressecamento

Se os seus pés estiverem ressecados, observe o que está causando esse problema (normalmente a causa são os próprios sapatos). Por isso, use apenas calçados macions e confortáveis para não apertar os pés e não interferir na circulação sanguínea.

Algumas doenças como diabetes, hipertensão e psoríase também podem causar rachaduras. O importante é tomar medidas protetivas e tratar os pés antes que a rachadura se instale.

Hidratação

O ideal é que nossos pés estejam sempre bem hidratados e macios. Mas, para isso, além de se hidratar de dentro para fora tomando muita água, é importante hidratá-los todos os dias e a melhor maneira é após o banho.

Use cremes pós-banho nos pés para dar maciez e tratar ressecamentos e rachaduras. Existem cremes que possuem ureia, uma substância que auxilia a pele na absorção de água para deixá-la hidratada por mais tempo.

Esfoliação

O recomendado é esfoliar os pés de uma a duas vezes por semana com esfoliantes mais grossos para retirar as célular mortas. As lixas não são tão recomendadas por dar a sensação de agressão à pele, fazendo o corpo entender aquilo de maneira errada e deixar a sola ainda mais grossa.

Dica: deixe os pés de molho em 1 litro de água quente com 30 mL de vinagre por 20 minutos para que os calos e rachaduras fiquem amolecidos e faça a esfoliação depois.

Escalda-pés

Já experimentou a sensação de colocar os pés numa bacia com água morna para relaxar após um dia intenso? Pois faça!

Uma vez por semana, coloque os pés de molho em 2 litros de água morna com 10 mL de óleo vegetal (azeite de oliva, por exemplo) ou sais de banho por apenas 20 minutos. Você também pode colocar bolinhas de gude dentro da bacia para massagear os pés enquanto você relaxa.

Pedicure

Manter a pedicure em dia é fundamental, por isso mantenha o costume de cortar e lixar as unhas com frequência. Além de beleza, isso também dá a sensação de pés bem cuidados.

Tags: , , , ,

Destaques

A camurça é um tipo de couro que requer muitos cuidados para manter sua durabilidade e deixar seus sapatos sempre apresentáveis. Encontramos muitas maneiras caseiras de limpar camurça na internet, mas muitas vezes esses processos podem piorar a situação do tecido.

A primeira dica é passar produtos específicos para impermeabilizar a camurça antes mesmo de usar o calçado pela primeira vez. A água é um grande inimigo danificador dos sapatos com esse tecido e este processo ajuda a criar uma camada protetora resistente para preservar por mais tempo. Evitar pisar em poças e sair com os calçados de camurça em dias de chuva também é essencial.

Se já tiver manchas no tecido, use apenas produtos especializados em limpeza de camurça. Se a sujeira for leve, como poeira da rua, tente limpar com um pano limpo e uma escova de cerdas macias sempre na mesma direção. Lembre-se de limpar o sapato por inteiro e não só a parte suja, pois mesmo com a limpeza, a camurça pode ter alterações em sua cor e ficar com algumas partes diferentes do restante.

Molhou e precisa secar? Deixe o tênis em um lugar bem ventilado com papel toalha por dentro para absorver a umidade. Para guardar seus sapatos de camurça e preservar o material, deixe-os sempre em locais bem ventilados, escuros e sem umidade.

Tags: , , , ,

Alimentação, Bem-estar, Destaques, Saúde

O verão é uma época de lazer, especialmente para o passeio ao ar livre. Para aproveitar com saúde esse período de temperaturas que às vezes ultrapassam os 40ºC, é preciso observar alguns cuidados com alimentação e hidratação. 

Durante o verão, a temperatura ambiente aumenta, tornando importante tomar um cuidado ainda maior com a hidratação do corpo, uma vez que a perda de líquidos e sais minerais pelo organismo são maiores do que em outras épocas do ano.  

No verão é comum a redução do apetite por conta das temperaturas elevadas, o contrário do inverno que aumenta o apetite. Esse efeito pode agir negativamente, uma vez que faz com que a pessoa coma menos, podendo se tornar insuficiente para as necessidades calóricas do corpo. A melhor maneira de contornar este problema é consumir alimentos de fácil digestão, com saladas, frutas, legumes e carnes magras. 

Estabelecer horários para se alimentar é fundamental para evitar problemas de sáude, como desidratação e até aumento do peso.

Tags: , , , , ,