Arquivos do Blog

Alimentação, Bem-estar, Destaques, Saúde

Nada melhor do que chegar em casa ao fim do dia e se jogar na cama, não é? Dormir, pra muitos, é a melhor coisa do mundo. Mas muitas pessoas deitam na cama e não conseguem descansar bem – a famosa insônia.

Isso acontece porque enquanto dormimos, nós descansamos, mas o organismo continua trabalhando com inúmeras regulações metabólicas e hormonais. Estes processos podem atrapalhar o seu sono, mas aí vem a notícia boa: você pode aliviar esse problema e melhorar a qualidade do seu sono com alguns alimentos.

Uma alimentação saudável impacta diretamente em sua saúde, inclusive no combate à insônia. Confira alguns alimentos que ajudam a melhorar o sono:

Banana: fonte de vitaminas do complexo B, B6 e magnésio, a banana também é rica em triptofano que possui papel importante na produção de serotonina e melatonina. Estas substâncias são fundamentais, pois se encarregam das sensações de prazer e sonolência.

Semente de gergelim: ela é rica em vitamina B6 e fundamental para converter o triptofano em serotonina. Além disso, o consumo de gergelim também contribui para a saúde dos ossos, uma vez que ela também é uma fonte de cálcio.

Aveia: também é uma boa fonte de triptofano e um dos poucos cereais que possuem melatonina. Para potencializar o efeito da melatonina, uma dica é dormir em ambiente completamente escuro – sem luz, este hormônio potencializa a sua ação.

Arroz integral: o carboidrato ajuda a regular os níveis de serotonina e melatonina no organismo, fazendo com que a noite de sono seja mais profunda.

Ervas: camomila, erva-doce e capim-limão são ervas naturais com propriedades calmantes. Consuma regularmente chás destas ervas para favorecer a vasodilatação, causando um relaxamento corporal importante para o sono.

Tags: , , , ,

Bem-estar, Destaques, Saúde

Uma afirmação já conhecida é que se exercitar faz com que a qualidade do sono melhore e você tenha mais aproveitamento deste momento. Uma pesquisa da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, constatou com 429.110 adultos praticantes de alguma atividade física, que em comparação ao sedentarismo, estes estavam mais descansados com sete ou oito horas de sono por noite, índice considerado ideal.
Porém, antes de sair correndo para uma academia, temos algumas orientações:

- Estabeleça uma rotina: o organismo gosta de seguir uma agenda. Sempre exercite-se em horários semelhantes ao longo da semana;
- Eleve a intensidade do exercício: apertar o passo é uma opção para melhorar o sono. Não são apenas as atividades leves que nos tranquilizam;
- Concentre-se: concentrar-se no esporte e atividade que está fazendo no momento, no ambiente e nos colegas de treino é uma opção de fuga do que ajuda a causar insônia;
- Faça alongamento: desta forma você irá relaxar a musculatura e os tendões.

Tags: , , , , ,