Arquivos do Blog

Bem-estar, Destaques, Saúde

Sempre tem aquele dia que o seu humor altera e a convivência fica mais difícil, não é? E quando isso acontece no trabalho, o dia pode ser mais difícil ainda..

Claro que ninguém precisa estar bem-humorado todos os dias, mas a melhor escolha é sempre ter uma boa convivência com quem está em volta. Algumas atitudes e reflexões podem ajudar (e muito!) na hora do estresse.

Veja como melhorar o humor e a convivência no trabalho em um dia difícil:

Não tome decisões

Se você puder, adie as tomadas de decisão para um momento em que você esteja mais com a cabeça no lugar. Boas decisões são tomadas de forma madura, equilibrando os prós e contras de cada situação. No momento do estresse, o comportamento impulsivo pode te levar a tomar decisões equivocadas.

Julgue seus julgamentos

Quando não estamos bem, tendemos a ver as coisas com negatividade. Isso é totalmente influência e reflexo do nosso humor, e dessa maneira você pode ser injusto por causa do seu estado emocional. Seus julgamentos podem ser mais duros com os outros ou até com você mesmo. Por isso é bom respirar fundo e ver se aquilo realmente é a melhor opção ou se é possível deixar para pensar em um dia melhor.

Gentileza gera gentileza

É comum ficarmos com o “pavio curto” em dias ruins, afinal “tudo está dando errado”, não é mesmo? Não, não é. Calma. Você pode estar em um dia ruim, mas todo mundo tem dias assim, portanto é a hora de reconhecer e ter calma, pois tudo vai voltar ao normal. E enquanto isso, você não precisa destratar quem está a sua volta. Tente sempre perceber se suas atitudes e respostas são gentis com seus colegas de trabalho. Se você não conseguir focar nisso de maneira nenhuma, tente evitar e concentre-se apenas no seu trabalho.

Atividades prazerosas 

Se você tiver a oportunidade de escolher as atividades que fará no dia, opte por aquelas que você gosta mais de fazer. Funções prazerosas podem contribuir para amenizar o estresse e o mau humor.

Encurte seu dia de trabalho

Se no seu trabalho tiver a opção de horários flexíveis como trocas de turno ou banco de horas, converse com seu chefe e diminua a jornada de trabalho daquele dia estressante. Em dias de mau-humor, estamos quase no limite e é uma boa evitar situações neste nível, pois as chances de perder o controle e deixar o estresse aumentar ainda mais são grandes. Respire e faça algo que te ajude a relaxar.

Tags: , , ,

Destaques

O desânimo e a falta de vontade no trabalho podem ser comuns às vezes (especialmente após o almoço), mas nós listamos algumas dicas simples para te ajudar a driblar o cansaço e melhorar o ânimo no expediente.

Estimulantes: muitos após no café para acordar – é uma boa opção -, mas altas quantidades não são recomendadas e, se você tiver problemas de estômago, prefira por exemplo o chá verde. Ele é uma ótima opção para despertar e deixar aquele sono de lado;

Água: beba bastante água, pois assim você mantém o bom funcionamento do seu corpo, o cérebro ativo e evita a desidratação;

Alongamentos: sua disposição melhora quando você dedica alguns poucos minutos para se alongar. Faça movimentos simples e básicos ou ginástica laboral para despertar e evitar lesões por movimentos repetitivos;

Postura: quando mais torto e deitado você ficar na cadeira do escritório, maior será a sua vontade de dormir e maiores serão as suas dores depois. Portanto, mantenha a postura!;

Horário de almoço: use esse tempo para relaxar a mente e se distrair para voltar às atividades com mais pique. Evite pensar no trabalho ou realizar atividades estressantes durante o almoço;

Refeições: evite alimentos gordurosos ou muito pesados. Opte por refeições leves e, além disso, troque o elevador pelas escadas para fazer um pouco de exercício e evita a moleza pós-almoço;

Música: o objetivo não é que você se envolva com a música, mas que ela te traga concentração e te ajude a focar no trabalho. Por isso procure ou monte uma boa playlist com as músicas que mais te ajudam a ser produtivo;

Converse: se o seu trabalho permitir, se distrair por alguns minutinhos com um colega auxilia a aliviar o estresse e a pressão para focar no trabalho.

Tags: , , , ,

Bem-estar, Destaques, Saúde

Seja qual for o tipo ou o tamanho da empresa, investir em bem-estar durante o expediente de trabalho é fundamental para o sucesso. Diversos estudos já nos mostraram a importância da qualidade de vida no aspecto profissional e, para que isso aconteça, não basta somente a empresa tomar as atitudes necessárias – é preciso que as pessoas participem!

Por isso, confira algumas dicas práticas e envolva toda a equipe no dia a dia:

Estrutura física
Dispor dos recursos e equipamentos necessários para exercer bem a sua função. Isso é o básico quando falamos de bem-estar no trabalho. Parece simples e óbvio, mas nem todas as empresas cuidam da ergonomia e segurança do ambiente. Se você já faz isso, observe também se a iluminação, temperatura e ventilação estão adequadas para aquele dia específico.

Atividades físicas
O sedentarismo tem sido uma das principais causas de problemas de saúde nos últimos anos, segundo a OMS. Por isso, promova atividades físicas dentro da empresa, organizando sessões de ginástica ou mesmo exercícios de alongamento. Outra boa opção é realizar passeios em parques, por exemplo, seja de bicicleta ou caminhadas, organizando um cronograma de atividades. Além de tudo, é um motivador a mais para o engajamento da equipe.

Mapeie o clima
Não estamos falando de calor ou frio, mas de comportamentos. Afinal, estamos lidando com pessoas diferentes de nós, diariamente. Para evitar o “climão” no ar, é preciso cultivar a sensibilidade de perceber como as pessoas se sentem.

Ao observar o humor do ambiente, fica mais fácil saber que tom usar em cada momento, e assim alinhar e compreender os anseios de cada um, praticando a famosa empatia.

Flexibilidade
Imprevistos acontecem, e várias vezes! Sua capacidade de resolver problemas e improvisar estará sempre sendo testada. O primeiro passo é aceitar essa realidade. Portanto, antes de negar ajuda ou de resistir à rotina, respire fundo e avalie como você pode contribuir com a situação, ao invés de piorá-la. Se, ainda assim, você não conseguir atender ao solicitado, explique calmamente a situação, certificando-se de que a pessoa que te procurou compreendeu o caso.

Bons exemplos
Gandhi já dizia: “seja a mudança que deseja ver no mundo”. Afinal, um bom exemplo vale mais que várias reuniões. Se você propôs melhorias nos itens acima, esteja comprometido com elas, ou seja, se você espera que seu funcionário se envolva em algo, mostre que você também está envolvido.

Tags: , ,